Logo PUCRS PUCRS Universidade PUCRS Administração PUCRS Unidades PUCRS Graduação PUCRS Pós-graduação PUCRS Extensão PUCRS Biblioteca PUCRS Vestibular
FILHOS DA FAMECOS
7 de março de 2016

“A Famecos me transformou em amante da comunicação”

Natacha Gastal veio do interior, em 2003, cursar Relações Públicas
Por Bárbara Debeluck
Natacha com o prefeito de Pelotas, Eduardo Leite, durante lançamento da campanha de verão na cidade. (Foto: Arquivo Pessoal)

Natacha com o prefeito de Pelotas, Eduardo Leite, durante lançamento da campanha de verão na cidade. (Foto: Arquivo Pessoal)

Durante o Ensino Médio, em Pelotas, Natacha Gastal se envolveu com política estudantil. Gostou tanto que sua primeira escolha foi cursar Relações Internacionais, que envolvia temas como relações políticas, econômicas e sociais entre diferentes países. “A ideia de me tornar diplomata me encantava. Era uma coisa meio miss“, comenta. Seu desejo era colaborar para a construção de um mundo mais justo e de relações de paz. Porém, o encanto acabou e surgiu o interesse pela comunicação.

A diplomada em Relações Públicas contou que a escolha pelo curso foi como um amor à segunda vista. “Vi tantas possibilidades de atuação que não tive dúvida”, diz. Para ela foi difícil escolher a segunda opção no vestibular, pois outro curso não a interessava. Quando decidiu pela área, pesquisou sobre as universidades que ofereciam o curso. “Recebi o apoio necessário da família para estudar na Famecos e me mudar para Porto Alegre”.

Ingressou na Faculdade no começo de 2003, e considera o primeiro dia de aula um momento especial. Uma das primeiras a chegar, a guria do interior não conhecia ninguém. Natacha lembra como uma mistura de ansiedade, expectativa e satisfação estar iniciando uma nova etapa na vida.

A relações-públicas comenta que em uma das aulas, o professor colou no quadro cartazes com erros gramaticais. “Eram aqueles bem bizarros, que hoje vemos circulando pelo Facebook”, lembra. Ele questionou a turma sobre aquilo ser ou não comunicação e alguns alunos  responderam que não, em função dos erros de português. Então, o professor questionou se alguém não tinha entendido o que estava escrito. “Apesar do erros, todos os cartazes eram possíveis de entendimento”, recorda.

Este foi um momento de desconstrução que marcou Natacha. Para ela, na comunicação e na vida, às vezes as pessoas acabam querendo seguir uma regra, como se bastasse fazer o passo a passo para tudo dar certo. “Quando lidamos com pessoas e relacionamento, a compreensão, o entendimento, a empatia e – principalmente – a flexibilidade são fundamentais”.

Naquela época, o slogan da Faculdade era Deixe sua marca, com o símbolo como se fosse uma tatuagem. Natacha tem certeza de que sempre levará essa marca consigo, e que ser Famecos não é só motivo de orgulho para si, mas um diferencial na carreira. A fase de estágios começou cedo.

Um dos primeiros trabalhos foi na Fundação Thiago de Moraes Gonzaga – Vida Urgente onde, depois da formatura em 2006, permanece até hoje. “Foi uma proposta desafiadora, pois a instituição não tinha um setor de comunicação estruturado”. Nestes quase dez anos, esteve a frente da comunicação e dos projetos de ações e voluntariado, tendo acompanhado a implantação do Programa Vida Urgente no Espírito Santo. “Foram seis meses morando em terras capixabas, coordenando o início do projeto”. No começo deste ano assumiu a Coordenação Executiva da instituição. “Estou exercendo o papel de interlocução entre os Conselhos e a equipe de trabalho”. Um momento recheado de reconhecimento e entusiasmo, tendo a certeza de que escolheu o caminho certo ao optar por trabalhar no Terceiro Setor.

Para atuar com comunicação, Natacha considera que não existe segredo. “É preciso ter identificação. Amor por comunicação”. Sobre Relações Públicas, costuma dizer para os estudantes que conheçam a profissão que escolheram. Sua dica é para que se joguem no maravilhoso mundo de RP, para além do discurso básico. “Eu era apaixonada por Relações Públicas, mas a Famecos me transformou em amante da comunicação”.

**A próxima reportagem da série Filhos da Famecos será publicada na segunda-feira (14). O entrevistado é o jornalista Alexandre Garcia, que se formou na Famecos em 1971. Hoje, apresenta o programa GloboNews Alexandre Garcia, fala diariamente para 250 emissoras de rádio e escreve para 20 jornais.

Tag(s) da matéria: , .
Eu Sou Famecos no Facebook Eu Sou Famecos no Flickr Eu Sou Famecos no Issuu Eu Sou Famecos no Mixcloud Eu Sou Famecos no Scribd Eu Sou Famecos no Twitter Eu Sou Famecos no Ustream Eu Sou Famecos no YouTube RSS do portal Eu Sou Famecos
Marista, Famecos, Espaço Experiência e PUCRS Site Famecos Site Eu Sou Famecos Site PUCRS
Faculdade de Comunicação Social - Famecos/PUCRS
Av. Ipiranga, 6681 - Prédio 7 - Sala 106 - Porto Alegre/RS - CEP 90619-900
Fone 51 3320.3569 r. 4121 - espacoexperiencia@pucrs.br
Desenvolvido por Espaço Experiência Wordpress.org