Logo PUCRS PUCRS Universidade PUCRS Administração PUCRS Unidades PUCRS Graduação PUCRS Pós-graduação PUCRS Extensão PUCRS Biblioteca PUCRS Vestibular
Eventos
18 de maio de 2018

“Desculpas não é prova, é emoção” diz Rosângela dos Santos, gerente de comunicação da Mineradora Samarco.

A palestrante, que esteve na Famecos terça-feira, dia 8, explicou diversas estratégias tomadas para reconquistar a confiança do público depois de Mariana
Por Felipe Ribeiro

Palestra com a gerente de comunicação da Mineradora Samarco, Rosângela dos Santos. Foto: Felipe Ribeiro/Famecos/PUCRS

A gerente de comunicação da Mineradora Samarco, Rosângela dos Santos esteve, na última terça-feira (8), na Escola de Comunicação, Artes e Design – Famecos falando sobre o gerenciamento da imagem da Samarco. Ela explicou quais as estratégias da empresa para combater as críticas e reconquistar sua confiança com o público depois da tragédia de Mariana. Rosângela iniciou contando um pouco de como começou a trabalhar na empresa: “Eu queria contribuir com a reconstrução, muitos amigos acharam que eu iria manchar minha própria reputação”. Ela também falou sobre o papel da mineração no cotidiano, e que sua vontade era contribuir com esse legado. “Foi esse desafio que me guiou a aceitá-lo”, disse.

A Samarco ficou conhecida no país inteiro da pior forma. Em 2015, o ano do incidente em Mariana, a empresa foi a 12ª maior exportadora do país, era uma marca com boa comunicação, diversos projetos sociais e uma reputação alta (64,4%), de acordo com Rosângela. “Temos que aprender com crises como essas que temos que nos reconquistar. Reconquistar a confiança. Nosso trabalho não é recuperar a reputação, é um resgate da confiança dos públicos que já nos conheciam, e vai demorar um bom tempo esse processo todo”, afirmou.

Pessoas afetadas pelo desastre precisam de orientação: com esse propósito foi montada uma força tarefa, que é o Sistema de Relacionamento Institucional da Samarco, uma plataforma viva que é atualizada frequentemente. As mensagens chave da empresa, contou a profissional, foram o pedido de desculpas, muito debatido na empresa e na sociedade; o reconhecimento dos impactos; e que tem muito que precisa ser feito. A empresa, também, precisou colocar uma agência para desenvolver uma estratégia digital para melhorar a informação e a resposta. Em até duas horas, eles conseguiam responder todas as pessoas que perguntavam. Foram cerca de 1.500 mensagens no inbox, do Brasil todo. Os grandes problemas, como dificuldade com a água, eles resolviam em até 12 horas.

Hoje em dia, a Samarco está no seu terceiro ano sem operar, quando ela voltar não irá mais usar barragens, para que não haja chance de algo acontecer novamente. Resta para a empresa seguir seu trabalho de reconquistar a confiança que, de acordo com Rosângela, será um trabalho lento, mas que valerá a pena.

Tag(s) da matéria: .
Eu Sou Famecos no Facebook Eu Sou Famecos no Flickr Eu Sou Famecos no Issuu Eu Sou Famecos no Mixcloud Eu Sou Famecos no Scribd Eu Sou Famecos no Twitter Eu Sou Famecos no Ustream Eu Sou Famecos no YouTube RSS do portal Eu Sou Famecos
Marista, Famecos, Espaço Experiência e PUCRS Site Famecos Site Eu Sou Famecos Site PUCRS
Faculdade de Comunicação Social - Famecos/PUCRS
Av. Ipiranga, 6681 - Prédio 7 - Sala 106 - Porto Alegre/RS - CEP 90619-900
Fone 51 3320.3569 r. 4121 - espacoexperiencia@pucrs.br
Desenvolvido por Espaço Experiência Wordpress.org