Logo PUCRS PUCRS Universidade PUCRS Administração PUCRS Unidades PUCRS Graduação PUCRS Pós-graduação PUCRS Extensão PUCRS Biblioteca PUCRS Vestibular
SET UNIVERSITÁRIO
30 de setembro de 2009

Diversidade cultural pauta o encerramento do SET

Por Maurício Tomedi e Henrique Diebold
Foto: Maria Helena Sponchiado

Foto: Maria Helena Sponchiado

Antes de o palestrante e os debatedores da 2ª edição do RBS Debates subirem ao palco, cenas da novela Caminho das Índias ilustraram o tema que trouxe os convidados a participarem do 22º SET Universitário: Diversidade Cultural na Produção da Dramaturgia. O diretor-geral da novela, Marcos Schetmann, o professor de Cinema da Famecos Carlos Gerbase, a gerente de produção da RBS TV e TVCOM, Alice Urbim, e a doutora em Comunicação e também professora da Famecos, Ana Carolina Escosteguy, discutiram questões estéticas e critérios de comunicação que transformaram a novela em um produto cultural massivo de grande audiência no Brasil.

Schetmann abordou o trabalho de produção que envolveu a novela, a necessidade de adaptar os diferentes aspectos da cultura indiana e a receptividade do público. O diretor, que também foi responsável por outras telenovelas, como Laços de Família, Celebridade e O Clone, afirma que foi obrigado a fazer um recorte da realidade indiana, pois um retrato fidedigno de toda a sociedade não seria possível. “Deixamos várias outras Índias de fora”, lembrou. Em contraposição, a professa Ana Carolina alertou sobre a importância da novela como produto de influência nas massas, uma vez que constrói uma identidade nacional.

O diretor da Rede Globo ressaltou que o recorte da Índia pelo qual optou expõe questões do país que são tratadas de forma diferente em relação ao modelo brasileiro, como, por exemplo, a questão do respeito pelos mais velhos. Outro critério a ser indicado pelo palestrante foi a união familiar dos indianos. Segundo ele, os membros abrem mão da privacidade para se relacionar mais.

Gerbase destacou as dificuldades de trabalhar na Índia. A grande quantidade de mão de obra necessária, a diversidade de figurino e a importância em transformar as imagens em um objeto comercial foram temas debatidos entre os palestrantes. Alice questionou a baixa receptividade da novela na região Sul em comparação ao restante do público brasileiro. Para Schetmann, os índices de audiência não apresentaram grandes oscilações entre as várias regiões do país.

Eu Sou Famecos no Facebook Eu Sou Famecos no Flickr Eu Sou Famecos no Issuu Eu Sou Famecos no Mixcloud Eu Sou Famecos no Scribd Eu Sou Famecos no Twitter Eu Sou Famecos no Ustream Eu Sou Famecos no YouTube RSS do portal Eu Sou Famecos
Marista, Famecos, Espaço Experiência e PUCRS Site Famecos Site Eu Sou Famecos Site PUCRS
Faculdade de Comunicação Social - Famecos/PUCRS
Av. Ipiranga, 6681 - Prédio 7 - Sala 106 - Porto Alegre/RS - CEP 90619-900
Fone 51 3320.3569 r. 4121 - espacoexperiencia@pucrs.br
Desenvolvido por Espaço Experiência Wordpress.org