Logo PUCRS PUCRS Universidade PUCRS Administração PUCRS Unidades PUCRS Graduação PUCRS Pós-graduação PUCRS Extensão PUCRS Biblioteca PUCRS Vestibular

Do caráter negociável da significação à busca do código perfeito

Data de referência: 2006
Autor(es): Humberto Ivan Keske

Resgatando algumas questões trabalhadas no modelo informativo de Shannon e Weaver (1948), acrescidas das ampliações de Umberto Eco e Palolo Fabbri nos dois modelos comunicacionais seguintes, o modelo semiótico-informativo (1978) e o modelo semiótico- textual (1979), o presente artigo visa problematizar a relação estabelecida entre a noção de código e as circunstâncias de comunicação, entendidas aqui como aqueles elementos participantes de uma dada situação concreta que auxiliam na compreensão entre o remetente e o destinatário, interferindo diretamente no processo de (re) significação. Longe de produzir uma transmissão da informação de sentido unívoco, a heterogeneidade de fatores envolvidos no processo comunicacional traz à tona complexos jogos interpretativos, que ora se antagonizam, ora se complementam, ora se harmonizam na constituição de um determinado sentido.

Eu Sou Famecos no Facebook Eu Sou Famecos no Flickr Eu Sou Famecos no Issuu Eu Sou Famecos no Mixcloud Eu Sou Famecos no Scribd Eu Sou Famecos no Twitter Eu Sou Famecos no Ustream Eu Sou Famecos no YouTube RSS do portal Eu Sou Famecos
Marista, Famecos, Espaço Experiência e PUCRS Site Famecos Site Eu Sou Famecos Site PUCRS
Faculdade de Comunicação Social - Famecos/PUCRS
Av. Ipiranga, 6681 - Prédio 7 - Sala 106 - Porto Alegre/RS - CEP 90619-900
Fone 51 3320.3569 r. 4121 - espacoexperiencia@pucrs.br
Desenvolvido por Espaço Experiência Wordpress.org