Logo PUCRS PUCRS Universidade PUCRS Administração PUCRS Unidades PUCRS Graduação PUCRS Pós-graduação PUCRS Extensão PUCRS Biblioteca PUCRS Vestibular
DEBATE
24 de março de 2011

Enviados especiais da RBS ao exterior participam de conversa na Famecos-PUCRS

Por Núcleo de Assessoria e Comunicação Digital

A Faculdade de Comunicação Social (Famecos) da PUCRS recebe na próxima quarta-feira, dia 30 de março, os quatro enviados internacionais do grupo RBS aos últimos grandes acontecimentos globais. Os jornalistas Daniel Scola, Humberto Trezzi, Luiz Antônio Araujo e Rodrigo Lopes conversarão com os alunos de comunicação no auditório do prédio 7, às 10h.

Os repórteres da Zero Hora Humberto Trezzi e Luiz Antônio Araujo foram os enviados especiais para os conflitos no Oriente Médio. O ex-famequiano Humerto Trezzi esteve recentemente na Líbia, após o retorno ao Brasil do jornalista Rodrigo Lopes, acompanhando a revolta popular contra o governo de Muammar Kadafi. Foram quatro dias imerso na realidade dos rebeldes libaneses. Em uma área extremamente hostil, a identificação como repórter era bem recebida pelos opositores ao regime. Mas uma lesão no olho esquerdo abreviou a cobertura que acontecia diretamente no fronte de batalha.

Os dois cursos realizados nos últimos anos sobre a atuação de correspondentes em áreas de risco o auxiliaram nos momentos de tensão. Hoje, Trezzi trabalha cobrindo crimes e tem uma coluna sobre segurança pública. “Procuro sempre estar próximo da ação”, comentou o repórter, cuja bagagem profissional contém a cobertura de conflitos em países como a Angola, Paraguai, Timor Leste e Haiti.

Luiz Antônio Araujo também sofreu algumas lesões em sua cobertura das revoltas populares no Egito. Nos quatro dias em que esteve no Cairo, o clima pacífico na praça Tahrir tornou-se hostil, principalmente para os jornalistas. Araujo foi agredido por simpatizantes do governo de Hosni Mubarak e teve a máquina fotográfica roubada, além de assistir a imprensa internacional ser expulsa do hotel onde estava hospedada.

Mas nem tudo foram experiências ruins durante a cobertura: “Foi incrível vivenciar um momento histórico como aquele”, conta o repórter. “Não achei que fosse ver o povo egípcio se levantar de forma pacífica contra o governo, principalmente após anos de repressão violenta”. O interesse de Araujo pelos conflitos no Oriente Médio surgiu com sua primeira cobertura internacional, em 2001, da guerra do Afeganistão.

“Cresci com as notícias sobre o Oriente Médio”, reflete. “Posso dizer que a queda das Torres Gêmeas mudou minha vida”, diz ele, que se voluntariou na redação da Zero Hora para cobrir a resposta americana ao atentado. Além de experiência, a cobertura da guerra no Afeganistão lhe rendeu um livro, Binladenistão – Um Repórter Brasileiro na Região Mais Perigosa do Mundo, que foi finalista do Prêmio Jabuti 2010.

Para descobrir mais sobre as experiências destes repórteres, assim como as de Daniel Escola e Rodrigo Lopes, não perca o debate com os enviados especiais na quarta-feira, dia 30, às 10h, no auditório da Famecos.

Tag(s) da matéria: .
Eu Sou Famecos no Facebook Eu Sou Famecos no Flickr Eu Sou Famecos no Issuu Eu Sou Famecos no Mixcloud Eu Sou Famecos no Scribd Eu Sou Famecos no Twitter Eu Sou Famecos no Ustream Eu Sou Famecos no YouTube RSS do portal Eu Sou Famecos
Marista, Famecos, Espaço Experiência e PUCRS Site Famecos Site Eu Sou Famecos Site PUCRS
Faculdade de Comunicação Social - Famecos/PUCRS
Av. Ipiranga, 6681 - Prédio 7 - Sala 106 - Porto Alegre/RS - CEP 90619-900
Fone 51 3320.3569 r. 4121 - espacoexperiencia@pucrs.br
Desenvolvido por Espaço Experiência Wordpress.org