Logo PUCRS PUCRS Universidade PUCRS Administração PUCRS Unidades PUCRS Graduação PUCRS Pós-graduação PUCRS Extensão PUCRS Biblioteca PUCRS Vestibular
COMUNICAÇÃO
14 de julho de 2017

Palestras e debates sobre cenário econômico encerram o 6º Seminário Marista

Evento reúne Irmãos, gestores e economistas
Por Bianca Gross e Janaina Rauber
Marcelo Cordeiro fala sobre a coerência e a da Rede Marista (Foto: Júlia Brasil)

Marcelo Cordeiro apresenta a coerência e a estratégia da Rede Marista (Foto: Júlia Brasil)

Troca de aprendizados e conhecimentos sobre aspectos importantes do Brasil, assim foi marcado o encontro ocorrido nessa sexta-feira (14). Após um momento de oração e reflexão da espiritualidade, no Auditório do prédio 32, o Presidente da Rede Marista, Irmão Inácio Etges, deu boas-vindas aos convidados e iniciou o 6º Seminário Marista- Cenários econômicos e estratégia. Com o propósito de debater e refletir sobre os cenários políticos e econômicos atuais, além de aprofundar aspectos do cenário institucional, o evento reuniu gestores, professores e economistas durante as palestras, que tiveram início às 8h30.

O primeiro palestrante foi o Irmão Marista Deivis Fischer, Vice-presidente da Instituição. Abordando o assunto redes, ele fala sobre conexões e as relaciona com a identidade marista e seus valores. Além disso, afirma que os gestores devem pensar em comprometimento e diálogo para que assim se estabeleçam boas ligações entre os Maristas. Em seguida, assumiram o microfone o Irmão Manuir Mentges, Conselheiro de Administração e Pró-Reitor de Extensão da PUCRS, e Marcelo Cordeiro, Assessor de Planejamento da Rede Marista, que apresentaram o posicionamento e a estratégia da Rede Marista.

Depois de vinte minutos de coffee break, Adriana Beltrão Dupita, Economista-chefe do banco Santander e também professora do MBA da Fundação Getúlio Vargas (FGV), inicia sua apresentação. Centrada no tema Cenários Macroeconômicos: movimentos globais e brasileiros de mercado, Adriana fala sobre como a situação política afeta o mercado financeiro do país. Com base em dados estatísticos, afirma: “há vários desfechos possíveis para a crise política”. Após o término de suas constatações, Gustavo Moraes, professor da Escola de Negócios, debate sobre cenários macroeconômicos e seus impactos nas frentes de atuação das instituições maristas junto de Adriana, que também responde perguntas da plateia sobre a confiança do consumidor perante aos entraves vividos pelo Brasil. Segunda ela, o consumidor está abalado, pois vive um descontentamento com a situação do país. “Precisamos de líder político e gestor, pois um não vive sem o outro”, diz Adriana.

No começo da tarde, a palavra ficou com Paulo Barone, Secretário da Educação Superior do Ministério da Educação, que aborda em sua fala a visão prospectiva do Ensino Superior. Estimulado pela ideia de que o ensino não é suficiente, ele afirma que é preciso uma educação continuada e analisa que a educação brasileira vive um momento de transição. “O Brasil ainda não entendeu o Ensino Superior e o trata como homogêneo, sendo que não é”, explica. Na mesma linha de pensamento, o Sócio-Diretor da Educa Insights, Daniel Infante, palestra sobre os valores estratégicos do setor da Educação Básica. Segundo ele, essa etapa de ensino possui três pilares: maior concentração, fragmentação e exigência na entrega. “Se eu não tenho qualidade eu não consigo competir”, salienta.

Luiz Henrique Mota palestra sobre os cenários da saúde (Foto: Júlia Brasil)

Luiz Henrique Mota palestra sobre os cenários da saúde (Foto: Júlia Brasil)

A responsabilidade de falar sobre o cenário da saúde no Brasil ficou por conta de Luiz Henrique Mota. Médico formado pela Universidade Federal de Rio Grande (UFRG), ele enfatiza a percepção negativa centrada no baixo financiamento do Sistema Único de Saúde (SUS), que não supre a necessidade da população. O também consultor na área de saúde pontua os quatros desafios dos hospitais filantrópicos no atual momento: estabelecer o equilíbrio do cumprimento das leis, competir mantendo a qualidade, trazer equilíbrio financeiro, além de não ferir a missão e os valores institucionais.

Clódis Xavier, consultor na área social, discursa sobre a assistência social e enfatiza a importância do voluntariado corporativo, que além de capacitar, incluir e entender, formando, riquezas de talentos. Xavier também destaca os procedimentos ágeis da Instituição em suas atuações e explica que os processos são elaborados com início, meio e fim. “A palavra solidariedade é o diferencial da Rede Marista”. No fim de sua participação, os olhos dos convidados se voltaram para o projetor, o qual transmitiu um vídeo escolhido pelo palestrante a fim de causar uma reflexão provocativa na audiência. Para encerrar o Seminário, quatro representantes de cada dimensão – Educação Superior, Básica, Assistência Social e Saúde – subiram ao palco para participar da dinâmica, denominada Fishbowl. Na atividade, eles debateram sobre como os empreendimentos se posicionam diante do cenário apresentado durante a tarde.

 

* Confira o álbum de fotos no Flickr da Eu Sou Famecos 

Eu Sou Famecos no Facebook Eu Sou Famecos no Flickr Eu Sou Famecos no Issuu Eu Sou Famecos no Mixcloud Eu Sou Famecos no Scribd Eu Sou Famecos no Twitter Eu Sou Famecos no Ustream Eu Sou Famecos no YouTube RSS do portal Eu Sou Famecos
Marista, Famecos, Espaço Experiência e PUCRS Site Famecos Site Eu Sou Famecos Site PUCRS
Faculdade de Comunicação Social - Famecos/PUCRS
Av. Ipiranga, 6681 - Prédio 7 - Sala 106 - Porto Alegre/RS - CEP 90619-900
Fone 51 3320.3569 r. 4121 - espacoexperiencia@pucrs.br
Desenvolvido por Espaço Experiência Wordpress.org