Logo PUCRS PUCRS Universidade PUCRS Administração PUCRS Unidades PUCRS Graduação PUCRS Pós-graduação PUCRS Extensão PUCRS Biblioteca PUCRS Vestibular
FAMECOS
19 de junho de 2017

Trabalhos acadêmicos buscam dar voz à comunidade

Disciplina de Comunicação Comunitária proporciona novos olhares aos futuros comunicadores
Por Júlia Brasil

Ter uma visão mais sensível em relação à comunidade é essencial ao comunicador. Pensando nisso, a disciplina de Comunicação Comunitária, do segundo semestre, ministrada pela professora Neka Machado, busca dar aos alunos um olhar mais humanitário da realidade.

Durante as aulas, foram feitos diversos exercícios, especialmente sobre movimentos sociais populares. No final do semestre, os alunos divididos em grupos, pensam em um objeto – uma ação, um programa, um documentário, uma campanha publicitária, um projeto – relacionado à comunicação e grupos sociais, seja ele qual for.  ”Temos desde manifestações, como marchas por exemplo, casos muito sociais, ONG’s que ajudam movimentos populares, entidades de classe e especialmente minorias”, diz a professora.

Ensaio Trasmissões - entre o corpo e a alma, traz a experiência do jovem transsexual. (Foto: Clarissa Menna Barreto)

Ensaio Trasmissões – entre o corpo e a alma, traz a experiência do jovem transsexual (Foto: Clarissa Menna Barreto)

Vale ressaltar que, nestes projetos, comunidade refere-se não apenas aos menos favorecidos, mas também aos grupos, independente da sua condição social e econômica, que se veem prejudicadas ou que não têm atendidos os seus direitos. “Embora a origem da comunicação comunitária se paute na origem dos movimentos sociais populares, eu quero abrir a discussão, por que se falamos em diversidade e pluralidade, nós temos que dar voz e ouvir todo mundo”, ressalta Neka.

Um dos trabalhos apresentados foi um ensaio intitulado Transmissões – entre o corpo e a alma, no qual o adolescente transsexual, Peter, mostra sua transição. Para Clarissa Menna Barreto, uma das integrantes do grupo, o trabalho foi muito significativo, pois os alunos aprenderam um pouco mais sobre a comunidade trans e puderam dar visibilidade para a causa. “O mais legal foi conhecer o Peter. Tentar capturar da forma mais bonita possível a realidade dele foi o cunho principal do trabalho. É importante ver uma realidade diferente da tua e mostrar que não há nada de errado, não são pessoas diferentes”, ressalta a estudante.

Já o Projeto Amada Helena surgiu a partir da experiência da perda de um bebê por falta de leito hospitalar e busca prestar assistência às mães enlutadas, para que assim, a dor seja dividida e amenizada. A ação promove encontros anuais com psicólogos e mostras de arte, feito por colaboradores. Vanessa Bierhals Torres, uma das integrantes do grupo conta que Tati, a idealizadora, começou o seu trajeto de luta contra a morte e percebeu que não existe assistência para esse grupo. “Sempre é transformador quando por algum momento, nos colocamos no lugar do outro. Saber um pouco mais desse universo das mães enlutadas, suas lutas e vivenciar a sua força foi enriquecedor. Poder levar para outras pessoas, um pouco desse assunto tão pouco discutido, foi extremamente válido. É muito bom fazer um trabalho que causa impacto no pensamento dos jovens”, diz a aluna.

 

 

Segundo a professora, o trabalho “dá um olhar mais social para quem faz comunicação, dá empoderamento e pertencimento ao indivíduo na sociedade”.  O foco deste projeto de sala de aula se sustenta em como a comunidade, seja local ou global, se percebe como sujeito interlocutor de comunicação e a transformação social que ela também quer alcançar. “Todos os anos eu sou belamente surpreendida com trabalhos encantadores dos alunos”, disse. Após a apresentação, Neka afirma que os alunos se tornam mais sensíveis e envolvidos.

Eu Sou Famecos no Facebook Eu Sou Famecos no Flickr Eu Sou Famecos no Issuu Eu Sou Famecos no Mixcloud Eu Sou Famecos no Scribd Eu Sou Famecos no Twitter Eu Sou Famecos no Ustream Eu Sou Famecos no YouTube RSS do portal Eu Sou Famecos
Marista, Famecos, Espaço Experiência e PUCRS Site Famecos Site Eu Sou Famecos Site PUCRS
Faculdade de Comunicação Social - Famecos/PUCRS
Av. Ipiranga, 6681 - Prédio 7 - Sala 106 - Porto Alegre/RS - CEP 90619-900
Fone 51 3320.3569 r. 4121 - espacoexperiencia@pucrs.br
Desenvolvido por Espaço Experiência Wordpress.org