Logo PUCRS PUCRS Universidade PUCRS Administração PUCRS Unidades PUCRS Graduação PUCRS Pós-graduação PUCRS Extensão PUCRS Biblioteca PUCRS Vestibular
PÓS-GRADUAÇÃO
17 de setembro de 2014

Wolton e Ferin criticam as tecnologias e a globalização

Seminário que celebrou os 20 anos do PPGCOM se encerrou nesta quarta-feira
Por Juan Domingues
Domnique Wolton (França), Isabel Ferin (Portugal), Coordenador: Juremir Machado (Brasil) Foto: Heike Knebel

Domnique Wolton (França), Isabel Ferin (Portugal), Coordenador: Juremir Machado (Brasil) Foto: Heike Knebel

A globalização e as novas tecnologias foram alvos centrais das críticas dos pesquisadores Isabel Ferin, da Universidade de Coimbra, e Dominique Wolton, do Centro Nacional de Pesquisa Científica da França. Eles dividiram, na tarde desta quarta-feira (17), a conferência Comunicação, tecnologia, identidade e sociedade, último painel do Seminário Cooperação e Internacionalização em Comunicação, que celebrou, durante dois dias, os 20 anos do Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Comunicação Social (Famecos) da PUCRS.

Mediada pelo professor do PPGCOM Juremir Machado da Silva, a conferência começou com a professora portuguesa Isabel Ferin, que fez uma dura crítica à globalização, que segundo ela, está impondo restrições à pesquisa em comunicação em Portugal, em particular, e no Sul da Europa, em geral. “Isso acaba refletindo na produção e na distribuição dos nosso trabalhos, uma vez que a globalização tem reduzido os nossos objetos culturais de estudo”, disse Isabel, ao apresentar o painel Mídia e cultura no espaço lusófogo.

Todos os elementos constitutivos de cultura são objetos de estudo afetados pela globalização, de acordo com a professora portuguesa, como história, religião, arquitetura, língua, imprensa, literatura e mídia (cinema, música e telenovela) e até o futebol. “O espaço lusófogo não está restrito ao idioma. Trata-se de um estado mental partilhado por muitos objetos que se ocupam das questões culturais. Está ligado à diáspora, à herança política e à história”, explicou.

Com um tom um pouco mais acima do que sua colega de mesa, o francês Dominique Wolton bateu forte no que considera uma acomodação acadêmica diante das novas tecnologias e da internet. “O mundo todo se apoia nesta bobagem americana. O mundo acadêmico não se levanta contra as novas tecnologias. Silencia”, criticou. Ele lembrou que tem escrito sobre isso há algum tempo. No entanto, é apontado como velho e ultrapassado. “Na verdade, existe uma preguiça intelectual e uma submissão à internet”.

Para Wolton, um dos grandes problemas da rede mundial é a ausência de comunicação entre as pessoas. Para ele, as pessoas podem namorar pela internet, mas é preciso o encontro físico. “A comunicação é uma relação. Não adianta adorar a tecnologia, ser um excepcional internauta, estar permanentemente multiconectado e não ter tolerância, ser um racista e não amar ninguém”, analisou.

Confira como foi a primeira palestra do último dia do evento. Para mais imagens, acesse o flickr do Eu Sou Famecos.

Eu Sou Famecos no Facebook Eu Sou Famecos no Flickr Eu Sou Famecos no Issuu Eu Sou Famecos no Mixcloud Eu Sou Famecos no Scribd Eu Sou Famecos no Twitter Eu Sou Famecos no Ustream Eu Sou Famecos no YouTube RSS do portal Eu Sou Famecos
Marista, Famecos, Espaço Experiência e PUCRS Site Famecos Site Eu Sou Famecos Site PUCRS
Faculdade de Comunicação Social - Famecos/PUCRS
Av. Ipiranga, 6681 - Prédio 7 - Sala 106 - Porto Alegre/RS - CEP 90619-900
Fone 51 3320.3569 r. 4121 - espacoexperiencia@pucrs.br
Desenvolvido por Espaço Experiência Wordpress.org